EU ME TORNEI INVISÍVEL

Eu me tornei invisível.

Num dia, todo mundo me via, me paparicava. Me davam o lugar no metrô. Olhavam para mim e perguntavam: “pra quando é?”.

Pra quando era. Eu deveria ter percebido. Continue Lendo


A casa baguncada

A CASA BAGUNÇADA

Eu me tornei o tipo de pessoa que, um tempo atrás, eu encheria a boca para julgar. Os cabelos em um eterno coque, a roupa repetida por dois ou três dias, a casa bagunçada. Continue Lendo